(Mais uma re-postagem para agradar a dona Google) Continuando a matéria sobre significado de sonhos falarei um pouco sobre sonhos lúcidos e como exercitar-se para obtê-los.

Temos que ter em mente que sonhos lúcidos nada tem a ver com magia ou ocultismo, e são manifestações puramente mentais e psicológicas, ou seja, qualquer pessoa de qualquer credo, idade ou linha religiosa pode praticar os exercícios e aproveitar seus sonhos lúcidos sem ter que acreditar em nada além da ciência e dedicação.

Como funciona um sonho lúcido?

Sonhos lúcidos ocorrem quando estamos num estado profundo de sono (REM profundo), esse que ocorre após 6 ou 7hrs de sono, ou seja existe maior facilidade de se obter sonhos lúcidos APÓS essas horas de sono, além de termos mais chances de lembrar do que foi sonhado.

Alguns estudiosos apontam que seria uma boa estratégia despertar após 6hrs de sono e então voltar a dormir, pois assim a mente estaria apta a começar o descanso adentrando num sonho lúcido… em teoria isso é bem lógico mas na prática sabemos que pouquíssimas pessoas conseguem voltar a dormir depois de serem despertadas após 6 ou 7hrs de descanso, logo pessoalmente, eu discordo dessa estratégia.

Durante sonhos lúcidos podemos considerar que 70% da nossa consciência está ativada, muitos dizem estar 100% conscientes, mas eu duvido, afinal se isso ocorresse o sonhador teria sérios problemas ao acordar, e explicarei isso mais tarde. O que acredito é que apenas uma parcela de consciência pode ser ativada durante um sonho, ou seja, essa parcela nos faz controlar nossas ações contra nosso subconsciente.

Razão VS Subconsciente

Quando sonhamos nossa mente cria um ambiente pra nós aleatoriamente, e enquanto estamos nele a nossa “razão” tenta desesperadamente nos acordar mostrando que não deveríamos estar vendo ou sentindo coisas mas sim descansando a mente no geral tanto que pode ter ocorrido com muitos de vocês de ao perceber que se estava sonhando acabar despertando… ou seja, a razão repudia a ilusão do sonhar.

Ao exercitar-se para obter sonhos lúcidos o que você faz é diminuir a reação da razão ao ilógico, ou seja, sua mente aprenderá a aceitar melhor os sonhos e tolerá-los até certo ponto, como citado anteriormente você nunca aceitará 100% e sim apenas o suficiente para poder ter uma perspectiva diferente da realidade sem afetar sua sanidade.

Utilidade do sonho lúcido.

Apesar de parecer muito divertido os sonhos lúcidos não tem tanta utilidade como se esperava, pode-se aproveitar o tempo sonhando para estudar, praticar habilidades mentais, alterar a perspectiva de tempo e espaço e etc, porém nada disso é garantido depois que você acorda, ou seja nada de deixar pra estudar pra prova enquanto sonha ou fazer aquele ritual de proteção dormindo pois não existe garantia de sucesso nesse caso.

Então quais seriam as utilidades disso? Bom ao ponto de vista de um estudante de ocultismo enxergar o mundo sob uma lente totalmente diferente, alterar tempo e espaço, experimentar sensações que o físico nos impede… já é vale a tentativa.

Até que nível vai minha lucidez?

Pergunta difícil… como disse anteriormente acredito que 70% de lucidez é o máximo que se pode alcançar de forma segura, essa lucidez te daria liberdade de compreensão sobre o que acontece ao seu redor no sonho, liberdade de agir livremente e reagir à estímulos gerados pelo seu subconsciente.

Obviamente todos esperam que eu fale dos aspectos “x-men” dos sonhos lúcidos como voar, criar objetos, moldar a realidade… obviamente tudo isso é possível, afinal você tem o poder da imaginação agindo de forma presencial, sua vontade é realmente o poder e é você quem manda em tudo porém esses aspecto é o último nível a ser alcançado quando se sonha de forma lúcida, e a afobação pode gerar alguns dos malefícios que citarei ao final da matéria.

Passos gerais do sonho lúcido:

Vou colocar aqui uma pequena escala de evolução na manipulação de sonhos.

1º: Sonha e lembra fragmentos

2º: Consegue ter vários fragmentos de sonhos e é capaz de uní-los

3º: Consegue lembrar dos sonhos inteiros

4º: Consegue lembrar das sensações e detalhes da maioria dos sonhos

5º: Consegue escolher com o que vai sonhar estimulando a mente antes do sono.

6º: Consegue sonhar com o que quiser.

7º: Consegue se mover livremente pelo sonhos, mas não interagir com ele.

8º: Interage com objetos e reações dos sonhar.

9º: Altera e cria todos os elementos do sonho, desafiando qualquer lógica, lei ou regra do “despertar”.

10º: Tem o sonhar como área de testes.

Dividi em 10 níveis mas obviamente existem outros elementos que preferi não comentar, alguns perigosos alguns incertos e quem sabe trato deles quando tivermos uma comunidade mais madura.

Exercícios:

Existem trocentos livros sobre isso na net, vou citar aqui alguns poucos exercícios que considero úteis para se obter sonhos lúcidos, obviamente na ordem em que devem ser praticados (dificuldade).

Exercício 1

Anotar  os sonhos, pois é… esse simples hábito faz com que a sua mente comece a tratar sonhos como se fossem memórias assim habituando ela com futuras esquisitices que possam surgir durante o sono. Antigamente dizíamos para o praticante ter um caderno ao pé da cama, porém com a tecnologia de hoje pode-se usar tablet, celular, notebook e etc para escrever, digitar ou até narrar o sonho.

Exercício 2

Dormir bastante, você só vai pescar se ficar bastante tempo no lago, com sonhos de inicio é a mesma coisa, para que você tenha sonhos longos e completos você terá que dormir bastante, se você leu os parágrafos acima vai entender que será sempre mais de 6hrs para começar a ter a chance de um sonho utilizável.

Exercício 3

Estimular a mente pré-sono, prática normalmente útil para habituação da mente ao mundo que será criado pelo subconsciente. Assistir à filmes impressionantes para si, ler livros com ambientação detalhada, jogar jogos impressionantes… o que melhor lhe servir, durante muitas horas antes de adormecer (o ideal seria adormecer enquanto executa o exercício) vai lhe render sonhos diretamente ligados à atividade.

Exercício 4

Alimentação saudável, não estou dizendo que você deve se entupir de salada, jamais, estou dizendo que você deve comer o que lhe faz bem e sem exageros, sono muito pesado atrapalha o controle e lembrança de sonhos, logo durante o período de exercícios é aconselhável evitar exageros.

Exercício 5

Criatividade, uma máquina enferrujada não vai montar bons produtos, cante, desenhe, escreva, dance, molde, ilustre, argumente… faça o que conseguir alcançar mas crie algo em sua cabeça, uma mente ativa é mais suscetível a entrar no controle.

Exercício 6

Medite, sim, de vez em quando é bom, tentar não pensar em anda ou em quase nada, saiba a extensão dos seu corpo e da sua mente, pare um dia para medi-los durante uma boa seção de meditação.

Exercício 7

Preste atenção nos detalhes, reparem que muitos detalhes passam despercebidos por nós todos os dias, nos sonhos esse reflexo é ainda maior, é ainda mais difícil prestar atenção nos detalhes quando se está sonhando, logo o costume de fazer isso enquanto acordado vai lhe render certa vantagem durante os sonhos.

Exercício 8

Construa pré-sonhos, isso mesmo, após os passos anteriores cabe a você começar a arquitetar com o que quer sonhar, imagine os detalhes, o cenário e etc, sempre que conseguir algum dos aspectos desejados escreva-o como uma observação.

 

Bom, esses são os passos gerais para se começar a arranhar a superfície do que é o sonho lúcido. Poderia escrever mais uns 4 ou 40 parágrafos falando de exercícios e efeitos colaterais mas o post ia ficar gigante, então fica pra próxima.

Detalhe, vou selecionar algumas pessoas para começar um programa de sonhos lúcidos.