A muito tempo que não posto uma prática simples e 100% ocultista, então resolvi trazer um dos métodos mais interessantes e traumatizantes para se canalizar vontade para atingir determinado fim, a canalização com o espelho negro.

O espelho é a janela para a mente do ocultista, se vocês, praticante, fitar um espelho por muito tempo, no mínimo verá algo que espera ver e talvez por sorte acabe enxergando algo que PRECISA ver, mas uma coisa é certa, o espelho pode ser uma ferramenta muito útil para várias práticas ocultas.

Nesse rito é preferencial que se utilize o espellho negro, não por sua aparência mas por sua utilidade. O espelho negro é o que reflete espíritos e a própria alma do magista e utilizá-lo potencializaria muito os efeitos da prática.

Mas não tenho espelho negro, o que fazer?

Essa prática, apesar de eficaz, é bem simples e pode ter vários itens substituídos e um deles é o espelho negro, caso não disponha de um pode-se usar um espelho consagrado e no pior dos casos um espelho comum limpo.

Como limpo um espelho?

Utilize algum ritual de purificação, seja usando sal grosso, água corrente, luz da lua… O que mais te agrada. Apenas não use um espelho do banheiro ou do quarto da sua mãe enquanto todos dormem, espelhos comuns guardam muita informação, e essa normalmente “vaza” quando fazemos algum ritual com eles.

E para quê server esse ritual?

Esse é um ritual de manipulação energética e canalização de vontade, podendo levar à projeção mental e em alguns casos até astral, por ser muito versátil os resultados variam de muita coisa à quase nada.

Não preciso repetir que a canalização de vontade serve basicamente para realizar desejos, e quem não deseja alguma coisa de vez em quando né?

Como Proceder: Primeiros passos

  • Depois de realizar todo um processo de limpeza energética, encontre um lugar livre de influência externa seja física ou energética/espiritual.
  • Descubra o espelho que utilizará no ritual e sente-se confortavelmente em frente à ele.
  • Pratique a expansão energética para que sua energia impregne tando o ambiente quanto o espelho, utilize dos meios que melhor lhe cabem como música, incensos, bebidas, psicotrópicos e etc.
  • Agora fite bem o espelho e fixe-se no seu reflexo, não tente fazê-lo se diluir, apenas fite-o como se fosse outra pessoa, crie mentalmente a certeza de que tem alguém na sua frente e crie uma identidade energética para esse ser. Mentalize para ele uma personalidade, crie um ser artificial naquela carcaça que o espelho reflete.
  • Pratique esses passos durante alguns dias, sem pressa.

Explicação:

Essa primeira fase basicamente treina a mente do ocultista para gerar um elemental artificial existente apenas dentro do espelho, talvez uma das formas mais seguras de se fazer isso. Apesar de simples todos os passos requerem um pouco de intimidade com práticas de projeção mental e expansão energética.

Como Proceder: Espelho, espelho meu…

  • Ao contrário do que se imagina após criar e alimentar o elemental não iremos parar na frente do espelho e simplesmente pedir o que queremos.
  • O elemental apesar de carregar sua essência não pensará como você, na verdade ele nem pensará ou terá autonomia porém ese saberá cumprir ordens desde o método seja apresentado.
  • Fique perante o espelho como se fosse alimentá-lo, mas ao invés disso faça o que o próximo tópico manda.

Como proceder: Sonho meu…

  • Ao fitar o espelho dessa vez tente dissipar a imagem do mesmo, se necessário diminua as luzes ou apague-as totalmente.
  • No breu que se formar no espelho tente criar a imagem do que você deseja, como se o espelho fosse uma espécie de televisão mostrando tudo o que o seu desejo consiste ocorrendo, lembrando sempre de frisar os momentos em que você está presente. na simulação.
  • Repita essa prática até que a imagem do seu desejo se torne completamente nítida.

Finalizando

Terminado o processo (que pode levar dias ou meses) guarde o espelho envolvido num pano preto, e só volte a utilizá-lo qando seu desejo tiver se realizado.