(PRÁTICA) Indução de sonhos

Fala galera, eu sou o Gigim da Tenebris Actus e hoje vamos aproveitar a onda da nova série do Sandman e vamos falar um pouco de sonhos, partiu.

Projeção, só que não…

Pois é, não estamos falando de magia nessa postagem, estamos falando de controle mental, indução e para alguns até uto hipnose, ou seja, dessa vez não precisam tirar as crianças da sala porque o conteúdo é Family friend e até aquele seu cunhado chato vai poder treinar enquanto dorme no seu sofá.

O que é sonhar?

É apenas mais uma coisa que o nosso corpo faz, simples né? Mas é basicamente isso, ao contrário do que muitos imaginam o sonho não é algo místico por si só, ele pode sim ser utilizado como ferramenta divinatória dentre outras coisas, mas sonho é apenas sonhos, uma manifestação que você apresenta quando está dormindo, ela pode significar muita coisa ou simplesmente nada, e interpretar sonhos não é ver futuro, é apenas interpretar sonhos.

Vai me ensinar a sonhar melhor?

Na verdade o que vou fazer aqui é te ensinar a induzir sonhos, para que você possa sonhar melhor existem muitos aspectos que devem ser levados em consideração, como qualidade do sono, se você respira bem dormindo, se dome num lugar bacana, como tá o seu psicológico… Ou seja, até pra sonhar bem você tem que se dar ao trabalho de cuidar de aspectos pessoais, nesse texto eu vou partir da premissa que você já tem um sono comum e que está começando do zero, e não de um estágio negativo.

Vou sonhar exatamente com o que eu quero?

Não, você não se tornará um mestre dos sonhos, você apenas induzirá a sua mente a criar situações enquanto sonha relacionadas com os temas que você propôs à ela, isso é muito utilizado no mesmerismo, normalmente induzir outrem, nesse caso iremos fingir que o seu cérebro é quem estamos querendo enganar, e com isso teremos alguns resultados próximos ao que você deseja, normalmente no início não são iguais, pois o cérebro ainda tá se acostumando, porém depois ele engrena.

Quebrando o cérebro

Pode parecer meio bruto mas o primeiro passo pra fazer o cérebro se acostumar com coisas novas é quebrando as rotinas que ele tem no dia a dia, poder ser algo grande ou um monte de coisas pequenas, você tem que acostumar o seu cérebro a se abrir para novas rotinas.

Exemplo: Mudar o caminho que faz para ir ao trabalho, mudar a ordem que você veste as roupas, mudar a direção em que você fica quando vai tomar banho, mudar o aroma do detergente que lava louça, muda de perfume ou desodorante, etc..

Percebam que são coisas bem corriqueiras e que normalmente fazemos “no automático”, mudar essas rotinas vai fazer com que o seu cérebro espere por novas mudanças (é provado cientificamente que o cérebro se adapta à mudanças impostas ao corpo)

Mudando como você dorme

Essa é bem dolorida, mudar a forma como você dorme, para alguns vai parecer algo impossível, tem gente que não troca nem de direção da cama imagina mudar drásticamente a rotina de sono?

Ao contrário do que todo idiota tenta, você não vai perder nenhuma hora de sono nesse passo, você vai apenas modificar o que já funciona, sei que dormir de lado pra quem dorme de bruços é complicado, mas tente, mesmo sabendo que você inconscientemente vai mudar de posição enquanto dorme.

Se você tem um horário certinho pra acordar e dormir, altere isso, durma uma hora mais cedo e acorde uma hora mais cedo, isso irá mudar inclusive a sua rotina da manhã (ou da hora que você acorda), e sem afetar o seu organismo.

Induzindo o cérebro

Essa parte já foi bem falada no grupo, e provavelmente a parte sobre as formas de como induzir o cérebro ao sonho vai ficar longa, então…

Continua na segunda parte.


O DEBATE CONTINUA NO GRUPO DO WHATSAPP E NO DISCORD

GOSTOU DESSE CONTEÚDO? QUER VER MAIS SOBRE ISSO OU SOBRE UM ASSUNTO DE SUA ESCOLHA? SEJA UM APOIADOR DO PORTAL E VEJA AS VANTAGENS, CLIQUE NO LINK PARA SABER MAIS

VOCÊ TAMBÉM PODE APLAUDIR ESSA MATÉRIA FAZENDO UM PIX PARA: [email protected]

O que achou da postagem?
+1
0
+1
0
+1
0
+1
0
+1
0
+1
0

Related Articles

Responses

O seu endereço de e-mail não será publicado.