Você sabe onde começou? Fiz um resumo rapidinho …

Durante séculos, os sacerdotes y sacerdotisas de Mesopotâmia, – terra entre ríos que agora é Iraque e o sudeste de Turquia – olhavam esperando decifrar os movimentos do céu a vontade dos Deus.

A tradiçao astrológica de Mesopotânia se remonta enormemente no tempo. O registro mais antigo encontrado, foi a

Tábua de Vênus de Ammisaduqa

*Atualmente se encontra no Museo Britanico.

 

A tábua está datado em 1650 a.C, e reflexa um conhecimento de estrelas e planetas. Recoge observaciones astronômicas do planeta Vênus realizadas durante o reinado de Ammisaduqa, rei de Babilônia. Para aqueles que olhavam ao céu no Antigo Oriente, importando posiçao do sol, da lua e dos planetas; nuvens e outros fenômenos metereológicos.

Naquela época os estudiosos acreditavam que os céus avisavam do auge e queda dos reinos, destino de individuos. Somente depois quando os sacerdotes e sacerdotisas começaram a estudar o céu pelo nascimento do filho do rei cristão, deram os primeiros passos a astrologia tal e como conhecemos atualmente.

No século VII a.C bibliotecas inteiras estavam dedicados a registros e regras para interpretar o céu.

Mas não foi até o século V a.C. quando os astrólogos começaram a aplicar essas regras aos registros de nascimentos e a criar horóscopos.

Chegando a astrologia a esse ponto, foi quando os exércitos de Alexandre Magno conquistaram mesopotâmia.

Depois da conquista, as tradiçoes de sabedoria através do mundo antigo se misturaram e a astrologia se estendeu por todo o mediterrâneo.

 

~ Níssia Cristina

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui