Cara, quando eu li essa definição eu juro que me segurei um pouco na cadeira pra não rir, mas depois lendo e procurando um pouco mais percebi que era, na verdade, só mais um nome pop dado a algo que sempre existiu a muito tempo: Os vultos.

Defina vulto?

Toda ou qualquer forma vista parcialmente ou não, de relance ou não pode ser considerada um vulto, o principal aspecto dos vultos é que não podemos fixar claramente em sua forma e é quase impossível registrá-los com câmeras. Outro ponto marcante do vultos é que eles não se comunicam com quem os vê, o que pode significar que eles provavelmente não estão vendo seus “espectadores”, ou que simplesmente não ligam.

Aparição VS Vulto.

Ao contrário dos vultos, as aparições são reflexos de pessoas desencarnadas ou entidades não corpóreas que tendem a se apresentar para alguma pessoa ou grupo mediante a ritual ou não, normalmente para enviar alguma mensagem, ou seja, ela tem um objetivo muito bem definido em sua ação mesmo que nem sempre ela consiga realizá-lo, ou seja, algumas aparições podem se comportar como vultos em algumas ocasiões por não conseguir se comunicar corretamente com que quer que sejam que pretendem mandar a mensagem, porém um vulto nunca irá se comportar como uma aparição, sacaram a diferença?

O que pode ser um vulto?

O que mais existem são teorias sobre o que esses vultos poderiam ser, vou citar algumas e depois deixar a minha opinião como ocultista [até porque nem só ocultistas analisam esse assunto]

Espíritos desencarnados

Isso entraria mais como um erro de interpretação do que uma teoria, seria uma confusão entre aparições e esses vultos que citei, pessoas que morreram e de alguma forma não conseguiram se desprender desse mundo ficariam vagando por ai tentando se comunicar ou simplesmente acreditando ainda estarem vivas, porém pelo fato de não ter mais um corpo físico a vibração energética criaria essa forma de vulto, o que a impediria tanto de se comunicar com a vibração dos vivos, quando dos vivos se comunicarem com eles.

Demônios

Óbvio que a culpa também poderia ser do capiroto, nessa teoria ditaria-se que demônios e entidades das trevas usariam essa forma não-corpórea para poder transitar entre os vivos, e que essas aparições seriam causadas por algum tipo de mediunidade que se ativaria enquanto a tal entidade entrasse em ação, ou seja, quando ela vai maltratar ou influenciar alguém ela se tornaria mais tangível e isso faria com que médiuns ou pessoas em estado alterado de consciência conseguissem vê-los.

Civilização antiga

Essa é meio louca e meio genérica demais, reza a lenda que existiram civilizações hiper avançadas bem antes da nossa e que eles podem, inclusive, ainda estar rodando por ai, porém eles são tecnologicamente avançados que vibram as moléculas de seu corpo em frequência diferente para que não sejam vistos por nós, algumas teorias ditam que eles podem morar abaixo da superfície da terra ou em outros planetas, e de vez em quando aparecem aqui como vultos negros para assustar a galera.

Vampiros Astrais

Talvez a teoria mais aceita principalmente por ser bem abrangente, nesse caso esses vultos negros seria entidades [demoníacas ou não] que estariam se alimentando da energia de seres vivos [humanos ou não] normalmente enquanto eles dormem. Isso confere principalmente com a maioria dos relatos citar paralisia do sono, taquicardia e falta de ar. Esses são sintomas muito citados por demonologistas e estudantes de entidades desse tipo, e a questão deles surgirem tanto durante o ato quanto depois se seguiria pelo fato deles não terem ainda metabolizado toda a energia humana drenada o que os tornaria parcialmente visíveis para olhos normais.

 

Eu poderia citar mais uma centenas de visões sobre eles, mas essas são as mais interessantes para o nosso contexto.

E a conclusão?

A muitos anos estudo e leio sobre aparições de espíritos e demônios e se eu tivesse que citar as aparições do vultos não seria da forma mostrada acima, o Vulto não é uma entidade em si, o Vulto é um estado semi-físico que qualquer entidade corpórea ou não pode alcançar. Uma pessoa que faz uma projeção astral para encontrar outra pessoa ou lugar pode ser sim vista como um vulto por alguém mais sensitivo que se encontre lá, uma pessoa que veio a falecer pode surgir como um vulto na tentativa de visitar seus parentes ou desafetos assim como entidades de outros planos podem acabar surgindo como vultos ao tentar fazer alguma estripulia nova, ou seja, o “vulto” seria um estado vibracional que pode ser alcançado por qualquer entidade que tenha o controle da sua estrutura energética, seja humano ou não. Lembrando que esse estado pode ser incitado ou simplesmente acontecer naturalmente devido a trauma ou algo do tipo.

Lembrando que essa é a minha opinião, se discordarem ou tiverem alguma crítica construtiva, deixem um comentário.

Essa matéria foi inspirada num vlog caso queiram ver outras opiniões.

Hasta.