“Toda aquela dor acabou? Finalmente ele podia respirar em paz… essa era a premissa, isso era o que ele esperava, afinal o que poderia dar errado?”

Hannow estava cercado de paredes claras, entalhes em madeira, num canto uma lareira esquentava o ambiente, o chão coberto de um carpete tão grosso que você poderia afundar seus dedos nele, era simplesmente maravilhoso… por que ele finalmente teve tudo o que ele sempre quis, mas obviamente faltava algo. Uma porta de madeira ao final do corredor se abre, devagar e ruidosamente, aquele suspense faz Hannow imaginar o que surgiria dali, porém sua curiosidade foi sanada de forma maestral quando uma bela morena, baixa, deveria ter seus uns 1,65m, com curvas leves e belos olhos verdes surge com um longo vestido preto arrastando ao chão mostrando apenas os seus pés descalços indo em direção à cama onde Hannow está sentado.

Os passos dela parecem um balé romântico, cada segundo parece uma eternidade até que ela finalmente alcança a cama, e finalmente solta suas primeiras e mágicas palavras.

– Finalmente estamos à sós, Hannow.

Instantaneamente o tempo pára na mente de Hannow, aquilo não poderia estar acontecendo com ele… Simples assim, a mulher era absurdamente linda, estava absurdamente sexy e tudo o que ela queria era Hannow… Porém prontamente ele responde:

– Sim, estamos.

Automaticamente ela abraça Hannow, seus braços deslizam pelo corpo dele enquanto sua boca sussurra as maiores perversidades em seu ouvido, Hannow segue o clima, ele a abraça e a adora, aquilo é maravilhoso até que em certo ponto Hannow pára.

Ela enquanto em abraços e beijos percebe a estática de Hannow, e inocentemente pergunta.

– Amor, o que houve?

Hannow nada responde, porém a linda mulher aos poucos parece envelhecer, o que antes era uma linda mulher agora parecer uma pessoa mumificada, durante o processo ela grita em pânico sem entender enquanto Hannow estático acende um cigarro.

-Já me diverti com você o suficiente pra esse dia dos namorados.

Entre gritos e pedaços dos seus membros se despedaçando a entidade pergunta.

-Mas por que?

Hannow se virando pra parede soltando uma baforada de fumaça responde:

– Quem liga pra succubus?

Expresse sua reação
Like
Love
Haha
Wow
Sad
Angry

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui