A reciclagem da alma

Continuando com o Tema dessa semana, entramos num aspecto que inferniza todo mundo que tá fodido com uma alma quebrada… “eu tô vazio”, e isso remete em enfiar um monte de merda dentro pra tentar acreditar que talvez o copo vazio, pode ser enchido com “qualquer merda”.

Tô feliz, que problema tem?

Admita, cê já ouviu isso de um bêbado ou de um drogado em algum momento, não? Ao contrário do que todos os grandes ocultistas pensam (sim tô falando de vocês Hermetistas) o ser humano é frágil pra caralho, um tropeço idiota e PLUFT você é atropelado por um ônibus e toda a sabedoria que você acredita que acumulou vira enfeite de asfalto… Logo, vc e algo absurdamente FRÁGIL… é mesma coisa.

Alguns quebram primeiro

E é a aspecto que vamos dar atenção hoje, o que fazer quando você percebe que aquela pequena mágoa que você carregava começa a se tornar uma espécie de coceira que nunca passa, e quando passa volta algum tempo depois pra deixar bem claro que sempre existirá e que você deveria se acostumar a conviver com ela… É a agonia crônica, a tristeza que “ganhou o jogo” e assustadoramente concluímos que é mais confortável admitir que perdemos pra ela do que tentar algo novo ou mais violento.

Como assim violento?

Zona de conforto é uma merda porém todo mundo já se colocou em uma em algum momento, ou seja, todos estão familiarizados com algum tipo de “troca com o universo” para manter algum tipo de benefício, seja a esposa que ignora a traição do marido pra continuar gozando do status social ou do empregado que ri das piadas de mau gosto do patrão pra manter o emprego de bom salário, sempre haverá algum momento da sua vida que você terá que decidir se muda algo ou se vai se adaptar “porque dá”, e isso vai criando as rachaduras na sua alma que eu citei durante essas postagens.

Tá bom Gigim, entendi estamos todos na merda

Eu não diria que estamos, mas garanto que em algum momento iremos ficar, mesmo que só por algum tempo, e nós, praticantes de ocultismo que gastamos anos e mais anos de nossas vidas aprendendo a aumentar nossa sensibilidade quanto ao que está fora e o que está dentro de nós, conseguimos perceber logo cedo quando algo está errado, porém também sofremos mais quando “deixamos pra lá” acreditando estar mantendo uma zona de conforto que vale à pena.

Renovação energética

Exercícios simples são passados para ocultistas iniciantes, sempre com o intuito de “manter o movimento”, e isso nada mais é que manter a energia fluindo, o marasmo, o tédio e os métodos excessivos fazem com que o ser humano se pareça cada vez mais com uma máquina e menos com algo sagrado, trocar de marca de perfume, experimentar alguma comida nova, fazer algo sem saber se vai dar certo, plantar algo, adotar um bicho, entrar numa briga, inovar na hora do sexo, xingar a sua vizinha escrota… Pense bem o que dessa lista você fez ultimamente? O que te difere de uma máquina programada para uma determinada função? Alguns dias refletindo sobre isso podem ser doloridos, porém é necessário ao ser humano que em algum momento se enxergue como ÚNICO e não só um pedaço de carne que anda e apodrece todo dia e será substituído sem ninguém perceber.

Exercícios mágicos

Na área de magia quase todo ritual de limpeza é bem-vindo, alinhamento de chakras e coisas do tipo que podem ser encontradas em livros sem muita dificuldade (e gratuitamente), prestar bastante atenção no SONO também é importante, você pode ter um dia inteiro maravilhoso porém se você dorme mal com o tempo a ferida vai abrindo e em um dado momento você não terá mais paciência pra nada, analise a sua alimentação, não vire vegano, todo mundo odeia vegano, mas mantenha uma alimentação equilibrada, não perfeita, mas equilibrada. Faça exercício, mesmo que de forma engraçada, ninguém morre por fazer umas abdominais e flexões e subir e descer umas escadas… Pode parecer que eu só tô repetindo o que um nutricionista diria mas assustadoramente esses 3 pontos citados alteram MUITO a forma com a energia flui na nossa “grade de chakras”, então levanta essa bunda da cadeira e vá correr.

Evocação e conjuração pra salvar minha alma

Sério? Chamar bicho comedor de bunda do lado de lá pra tentar salvar a sua alma? Tá de sacanagem né. Chama o Mago Anal El então.

Conclusão

Percebam que essas 3 matérias sobre como cuidar da alma lembram muito papo de autoajuda, porém na situação atual que o mundo tá falar um pouco de coisa chata é importante, muita gente boa tá rachando e não tá percebendo simplesmente porque nunca passou por isso, então antes que seja tarde e se você conhece alguém assim, vá lá e dá um help, salvar alguém também faz bem pra alma.

Por hoje é só. Valeu galera hasta!


GOSTOU DESSE CONTEÚDO? QUER VER MAIS SOBRE ISSO OU SOBRE UM ASSUNTO DE SUA ESCOLHA? SEJA UM APOIADOR DO PORTAL E VEJA AS VANTAGENS, CLIQUE NO LINK PARA SABER MAIS

O que achou da postagem?
+1
0
+1
0
+1
0
+1
0
+1
0
+1
0

Related Articles

Responses

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *