Inicialmente quero deixar bem claro que não estou escrevendo essa matéria baseado em livros ou declarações de membros ou associados da ONA,estou apenas apresentando a MINHA visão atual sobre esse grupo que anda fazendo bastante barulhinho por ai, assim como o satanismo e a wicca também já o fizeram.

O que é o ONA? No geral seria só mais uma organização de satanistas com ideologias políticas, extremistas ou não… vai saber, parece que sua origem remete dos anos 50 ou 60 e que sempre houve bastante influência fascista ou nazista, mas muito pouco sabe-se realmente sobre a ordem e seus primórdios.

O que era o ONA na minha época? Final dos anos 90 e meados de 2000… era um Tabu, simples assim, não existia nenhum “nexion” nacional e os poucos membros que se diziam do ONA não moravam no Brasil, até acreditávamos neles, afinal eles mandavam bom material sobre satanismo e magia em geral mas muito pouco se falava da Ordem em si a única certeza que tínhamos é que a ordem estava finalizada no nosso país e que a má fama que o satanismo andava recebendo não ajudaria nada em uma suposta volta triunfal da ordem… realmente estávamos certos.

A nova onda da mulecada…

E então o tempo passou, a magia fluiu pelas veias da internet inundando redes sociais com um neo-misticismo que contagiou todos aqueles que não se encaixavam em mais nenhum grupo já existente, e com isso tivemos os e-ocultistas.

O que seria essa nova raça? Vou explicar em poucas palavras: Seria um grupo de pessoas que estudam e procuram por conhecimentos mágicos quase que exclusivamente na internet.

Isso é errado? Óbvio que não, estudar pela internet ainda é estudar, ler 400 livros de magia te torna um estudioso, isso é fato… mas não te torna um ocultista.

Satanista sim, ocultista nunca!!

E então começamos a ter os adoradores de entidades de final de semana, satanistas, luciferianistas, caoistas, goetistas e todos os “istas” que podiam surgir, eram simples pessoas que liam sobre alguma entidade e gostavam da filosofia de seus seguidores e então a seguiam por pura predileção a uma ou outra (às vezes até mais de uma ao mesmo tempo) e óbvio que tivemos o top 3, onde disputavam a medalha Satanistas, Luciferianistas e Wiccans, Satanistas tinham seu ar mais trevoso e violento, quase sem estilo, mas ainda assim tinham o poder de assustar velhinhas dizendo que adoravam Satã… Os luciferianistas sempre foram mais aboiolados, tinham aquele lance de seguir solitários e blá, e os Wiccans… Árvores, eles tinham árvores.

Satanistas, satanistas everywhere…

E todos se uniram e vestiram suas roupas pretas, pintaram seus rostos de branco e preto e todo mundo cantava… Era uma espécie de circo ridículo que fazia com que verdadeiros satanistas se escondessem e preferiam admitir seguir Cristo do que fazer parte daquilo, foi horrível e antes o que nós, ocultistas, considerávamos como baixa magia era o pináculo de sabedoria daquela nova geração mas aquilo não era suficiente, não bastava adorarem uma entidade demoníaca nos cantinhos de seus quartos escuros, eles tinham que ir além, tinham que se organizar e assim então surge o “NONA” (new order of nine angles), apelido que eu inventei agora mas que caiu bem já que “nona” também significa “avó” e a maioria que ocupa as cadeiras dessa ordem ainda são criados pelas mesmas…

Olha só onde eu vim parar…

Em momento algum quero falar mal do ONA em sua essência… até porque os caras podem ser nazistas, fascistas, pedófilos, zoófilos e etc, mas quem não tem seus defeitos né? Sabemos que Satanismo não é algo bonito, quer moleza vai ser Wicca, Satanismo é coisa pra quem tem estômago, houve tempo em que citar ser satanista iria lhe acarretar em expulsão da sociedade e não em “likes” no Facebook, ou seja, por mais que nego queira “bonitizar”, satanismo não é bonito, não é cheiroso e não é pra qualquer um.

O que é o ONA hoje em dia? Uma piada, e o pior uma piada sendo contada por um monte de crianças retardadas fundando Nexions a torto e à direita, ganhando cargos, títulos e talvez até responsabilidades que não lhes cabem… Não sei quem tá inventando de trazer o ONA de volta pro Brasil, mas tá fazendo um péssimo serviço.

 

E o que a ONA faz?

Sabe se pouco sobre o que ela deveria fazer, mas o que se encontra por ai não é da melhor qualidade, temos mistura de textos da bíblia satânica com satanismo teísta (essa porra existe mesmo?), alguns ensinamentos Luciferianistas enfiados no meio e obviamente qualquer tipo de doutrina que na hora pareceu super legal. Na parte mágica eles caem muito pro lado do LHP, nada de novo, trabalhando com a árvore da morte e seus príncipes e demônios infernais, acredito que brinquem também com goétia e magia sexual mas nunca axei nada realmente útil deles sobre isso.

Últimamente eles andaram sofrendo acusações de pedofilia e etc mas prefiro não entrar em detalhes, afinal não é da minha conta.

 

O que a ONA não faz?

Ela não passa, não lava nem costura… Mas fica legal em estampas de camisa, nick de facebook e capas de livros, pode-se até escrever assim O9A que fica bem mais cool, mas vai do nexion de cada um. De resto o ONA provavelmente tem algumas regras a seguir nos seus livros antigos mas elas passam bem longe da molecada brasileira, isso com certeza.

 

E por fim

Só deixando claro que esse texto é apenas uma sátira à informação encontrada na WEB sobre o O9A, não sou estudioso da ordem e nem me interesso, apenas expressei a visão caricata que a mesma tem recebido pelos comentários que recebo no portal.