A estrela de Davi (chamada de Escudo de David), é um símbolo real, um selo de realeza representativo do reinado de David.

Quando as nações pagãs iam à guerra, muitas vezes pintavam figuras para inspirar medo aos adversários nos escudos dos seus prórpios soldados (tais como dragões, cobras, etc.) No entanto, em Israel, o símbolo é o escudo de David.

O nome David em hebraico é composto de três letras na segunte orderm: Dálet-Vav. Dálet. No hebraico antigo, a letra Dálet tinha a forma semelhante a um triângulo com vértice para cima.

Quando este símbolo foi gerado, não sabemos ao certo, no entanto sabemos que este símbolo é geometricamente construído em forma de estrela com as duas letras Dálet que compunham o nome David (entrelaçando-as, e girando uma das letras em 180o. para que seu vértice se colocasse para baixo). Com o tempo, este símbolo tornou-se símbolo da nação de Israel e do povo judeu, estando presente na própria bandeira de Israel.

No entanto, há um significado maior na estrela de David, pois muitos afirmam que ela é um símbolo do próprio Messias, Nosso Senhor Jesus Cristo.

Ele mesmo diz no livro do Apocalipse(22, 16): “Eu, Jesus, enviei o meu anjo para vos atestar estas coisas a respeito das igrejas. Eu sou a raiz e o descendente de Davi, a estrela radiosa da manhã.”

O hexagrama é formado unindo-se o Triângulo da Água com o Triângulo do Fogo, formando a estrela de seis pontas, também conhecida como Selo de Salomão. Esse símbolo é uma imitação da Estrela de Davi, o símbolo nacional de Israel, o povo escolhido de Deus. A diferença é que esse selo ocultista é formado por dois triângulos entrelaçados, enquanto que, na Estrela de Davi, um triângulo sobrepõe o outro

Sem brincadeira! O hexagrama é realmente um símbolo muito poderoso para os feiticeiros, bruxos e magos! É usado em todas as formas de magia, feitiçaria, ocultismo e nas previsões astrológicas. Como tem seis pontas e contém um ‘666‘, o hexagrama é considerado um dos símbolos mais poderosos de Satanás.

Veja o hexagrama acima. O primeiro seis é formado pelos lados de cada triângulo      encontrados no sentido horário; o segundo é formado pelos lados de cada triângulo quando  você segue no sentido anti-horário; o terceiro seis é formado pelos lados do hexágono  interno.

Dois feiticeiros explicam melhor que o hexagrama era usado como “uma reserva para os  mágicos e alquimistas. Os bruxos acreditavam que ele representava a pegada de um tipo  especial de demônio chamado ‘trud’ e o usavam em cerimônias tanto para conjurar demônios  quanto para mantê-los afastados.” [Gary Jennings, Black Magic, White Magic[Magia  Negra, Magia Branca], Eau Claire, WI, The Dial Press, 1964, pg. 51. Também Harry E.  Wedeck, Treasury of Witchcraft (Tesouro da Feitiçaria), Nova York, Philosophical Library,  1961, pg. 135]

Olhe novamente o hexagrama anterior; ele é usado para conjurar demônios, fazê-los  aparecer nesta dimensão e cumprir as vontades do feiticeiro. Os símbolos dentro do  hexagrama são para esse propósito. O ex-satanista Iluminista Doc Marquis, hoje um cristão  nascido de novo, confirma que os hexagramas são usados para conjurar demônios e para l ançar encantamentos e maldições sobre uma vítima.

O hexagrama também é um símbolo do ato sexual e da reprodução. O autor maçônico, Albert  G. Mackey oferece-nos a explicação ocultista em seu livro, The Symbolism of Freemasonry [ O Simbolismo da Maçonaria, pg 195, 1869].

O triângulo voltado para baixo “é o símbolo  feminino que corresponde ao ‘yoni’ e o triângulo voltado para cima é o homem, o ‘linga’.

Quando os dois triângulos estão entrelaçados, representa a união das forças ativa e passiva  na natureza; representa os elementos masculino e feminino.” [A mesma explicação aparece em Did You Know? Vignettes in Masonry From a Royal Arch Mason Magazine, Missouri Lodge of Research, 1965, pg 132, Wes Cook, editor] [Nota do tradutor: Linga e Yoni são representações estilizadas dos órgãos genitais masculino e feminino, respectivamente, em diversos emblemas e amuletos. São considerados símbolos do poder genésico e adorados no hinduísmo.]

Fonte Completa: detudo.org